Brock Lesnar poderá lutar no UFC com seu novo contrato da WWE



Ontem, a WWE confirmou que o campeão Universal da WWE, Brock Lesnar, renovou o seu contrato com a empresa de maneira definitiva. O anúncio foi realizado pelo presidente da WWE, Vince McMahon, anunciando de maneira adicional que Brock Lesnar defenderá o seu título contra Roman Reigns no Greatest Royal Rumble.

Durante as últimas horas, surgiram novas informações a respeito do contrato que Lesnar assinou com a empresa de Stamford. Steve Muehlausen, jornalista de Artes Marciais Mistas (MMA) de pro-wrestling nos portais Sporting News e Fightful, revelou que os detalhes do contrato do campeão Universal. Entre os detalhes, é confirmada a renovação de Lesnar pela empresa e observa que, ao contrário de alguns relatos iniciais, Lesnar tinha assinado um contrato de vários anos, e não um de curta duração. Inicialmente, seu contrato poderia terminar em agosto, mas Vince McMahon queria que ele ficasse, depositando suas esperanças em Lesnar e Ronda Rousey como duas de suas maiores atrações.

Além disso, essa renovação teria introduzido cláusulas que permitiriam Lesnar lutar na empresa de MMA, Ultimate Fighting Championship (UFC). Portanto, Lesnar poderia competir mantendo seus contratos com o UFC e a WWE. Também é destacado que Lesnar tem estado sob contrato com o UFC desde o anúncio de sua luta contra Mark Hunt no UFC 200, confirmando as informações que o presidente do UFC, Dana White, lançou durante uma conferência de imprensa no último sábado. Na mesma, Dana disse que Lesnar tinha várias datas com a empresa e ainda estava sob contrato.

Muehlhausen ressalta que os planos agora são para Lesnar lutar no UFC uma vez por ano. De início, é relatado que ele enfrentará o vencedor da luta entre Stipe Miocic vs. Daniel Cormier, que acontecerá no UFC 226. Antes de entrar para competir, Lesnar terá que voltar a passar pelos testes de antidoping da USADA, a agência norte-americana contra o doping. Deve-se destacar que Brock Lesnar ainda tem 6 meses de suspensão depois de cair no doping após o UFC 200. 

No momento, nenhum outro portal confirmou essa informação. O estado de Lesnar com a WWE nas últimas semanas foi alvo de especulações, depois do mesmo demonstrar interesse em retornar ao UFC. Seu contrato terminou na WrestleMania 34 e tudo indicava que ele voltaria ao óctogono, com Dana White chegando a garantir que Lesnar retornaria à empresa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário