--

Cobertura WWE Monday Night RAW 27/01/2020


Na noite desta segunda-feira a USA Network transmitiu mais um episódio ao vivo do Monday Night RAW, diretamente do AT&T Center em San Antonio, Texas. Confira a cobertura completa do show logo abaixo: Vamos ao ringue o vencedor da Royal Rumble Match masculino, Drew McIntyre. Ele é anunciado como o homem que estará no evento principal da WrestleMania 36. Drew chega no ringue e aponta para a placa da WrestleMania 36. Drew precisa de alguém para lhe beliscar, porque parece que ele está sonhando. Ele fala sobre a vitória no Rumble e como ele está indo para a WrestleMania 36. Drew não quer esperar, ele está pronto para desafiar alguém agora. Ele desafia o WWE Champion, Brock Lesnar. Drew continua e diz que está pronto para distribuir Claymores hoje à noite. Ele desafia algupem e Luke Gallows e Karl Anderson aparecem. Ambos querem enfrentar Drew e Drew concorda. 2-on-1 Handicap Match: Luke Gallows e Karl Anderson vs. Drew McIntytre 
– Drew aplicou um “Claymore” em Gallows e rapidamente venceu. Singles Match: Rey Mysterio vs. MVP – Rey aplicou um “619” e venceu o combate. Singles Match: Aleister Black vs. Kenneth Johnson 
– Black rapidamente aplicou o “Black Mass” e venceu o combate. De volta do intervalo e vemos mais fotos do Rumble. Rollins pega o microfone e diz que quase venceu o Rumble novamente. Ele parece zombar de Drew McIntyre. Rollins fala sobre alguns aspectos positivos, como Samoa Joe e Kevin Owens não irem para a WrestleMania, e como ele e Murphy conquistaram os títulos na semana passada. Rollins chama Joe e Owens para o ringue. Owens aparece primeiro, seguido por Joe. Rollins diz que disse à AOP para ficar na parte de trás. Rollins mostra no telão que está falando a verdade. Vemos um vídeo ao vivo de Akam e Rezar nos bastidores. Isso faz com que Erik e Ivar saibam os eles estão. Os Vikings Raiders então atacam a AOP nos bastidores. RAW Tag Team Championship Match: Samoa Joe e Kevin Owens vs. Seth Rollins e Buddy Murphy (c) – Buddy aplicou um “Roll-up” e venceu o combate. WWE United States Championship Match: Andrade (c) (c/ Zelina Vega) vs. Humberto Carrillo 
– Humberto venceu o combate por DQ após Zelina intervir. Charlotte Flair, vencedora do Royal Rumble, faz sua entrada. Ela se gaba de ter vencido o Royal Rumble Match e diz que fez algo que prometeu fazer. Flair diz que não queria se gabar, mas é isso que ela faz porque é Charlotte Flair. Ela aponta para o telão, onde é mostrado um vídeo do RR Match Feminino. “Eu fiz isso”, diz Flair. Flair diz que enfrentará a campeã de sua escolha na WrestleMania. Ela diz que na WrestleMania, “enfrentará … alguém por título”, diz ela zombando dos fãs. Asuka e Kairi Sane agora aprecem no ringue. Asuka parabeniza Flair enquanto grita em japonês. Eles se desentendem e as Kabuki Warriors atacam Charlotte. A “The Queen” rapidamente deixa o ringue enquanto vamos aos comerciais. Singles Match: Charlotte Flair vs. Asuka 
– Charlotte venceu por DQ após Kairi Sane lhe atacar com um “Elbow Drop”. Singles Match: Erick Rowan vs. Branden Vice – Rowan venceu com o “Iron Claw”. Singles Match: Lana vs. Liv Morgan – Liv rapidamente venceu o combate. WWE 24/7 Championship Match: Mojo Rawley (c) (c/ Riddick Moss) vs. No Way Jose 
– Mojo rapidamente venceu o combate aplicando seu finisher. Vamos ao ringue com o WWE Hall of Famer Edge que recebe um grande pop. Os fãs continuam aplaudindo e cantando enquanto Edge pega o microfone. Ele começa a falar, mas os fãs gritam seu nome novamente. Edge diz que os fãs não têm ideia do que isso significa para ele. Os fãs cantam “você merece!” e “você ainda consegue!”. Edge diz: “Vocês estão certos!” Edge agora fala sobre ser desqualificado clinicamente para lutar novamente há 9 anos, mas diz que se recusou a viver em um mundo de hipóteses. Ele diz que imediatamente começou a trabalhar para fazer com que isso desaparecesse. Ele começou a se sentir bem ao longo dos anos e se perguntou se voltaria para casa. Então ele começou a trabalhar. Os fãs cantam “bem-vindo a sua casa!”. 

 Edge fala sobre ficar na melhor forma de sua vida aos 46 anos, para que ele pudesse voltar aos ringues para encerrar sua carreira em seus próprios termos. Ele diz que viu alguns rostos familiares e alguns novos no Royal Rumble. Ele cita Randy Orton, Roman Reigns, AJ Styles, Seth Rollins, Kevin Owens, Aleister Black, Matt Riddle, e diz que a lista continua. 

Edge diz que esperançosamente, verá eles em breve. Edge diz não está tentando se enganar, ele sabe que isso pode não durar muito, mas ele espera que todos os fãs se juntem a ele nesse passeio. Os fãs gritam “yes!” agora. Edge brinca dizendo que ele tem que agradecer a Daniel Bryan. Edge sabe que é um pouco mais velho, tem barba branca, rugas na cara, mas ele está aqui. Ele diz que se você o derruba, ele se levanta. A música toca e Orton aparece. Orton entra no ringue e eles se abraçam enquanto os fãs gritam para eles. Orton pega um microfone. Orton diz que não é segredo que ele tem uma personalidade autodestrutiva, mas havia um cara que o tirou do buraco anos atrás, e era Edge. Orton diz que Edge está em sua casa, dizendo que ele é um irmão e família para ele. A noite passada, sentindo a energia e a química que só eles têm, foi especial, diz Orton. Orton diz que Edge está aqui falando sobre “e se”. Ele pergunta o que aconteceria se o RKO e Edge se juntassem. Edge olha ao redor da arena, mas do nada, Orton lhe aplica um “RKO”. Os fãs vaiam Orton enquanto ele sai do ringue. Orton traz uma cadeira de volta para o ringue, mas Edge se arrasta para tentar pega-la. Orton pega a cadeira e dá um tapa nas costas de Edge. Edge segura a nuca e grita. Orton pega a cadeira e desta vez a coloca ao redor do pescoço de Edge. Orton sobe no corner e aparentemente vai pular, mas hesita no último momento. 

Os fãs vaiam enquanto Orton sai do ringue. Orton volta correndo e agora traz duas cadeiras ao ringue. Orton coloca uma cadeira sob a cabeça de Edge. Ele então utiliza a outra para aplicar um golpe no pescoço de Edge. O RAW sai do ar com Orton sentado ao lado de Edge.

Nenhum comentário:

Postar um comentário