--

Cobertura WWE Friday Night SmackDown 23/10/2020

 


Na noite desta sexta-feira a FOX transmitiu mais um episódio ao vivo do Friday Night SmackDown, diretamente do WWE ThunderDome, em Orlando, na Flórida. Owens agradece a Bryan por se juntar a ele e por mencioná-lo na semana passada ao nomear os novos Superstars do SmackDown que gostaria de enfrentar. Owens gostaria de fazer o mesmo. Eles mencionam forçar uns aos outros até seus limites no passado. Bryan diz que quer que o SmackDown seja o destaque o ele acha que eles acertaram em cheio no elenco atual, nomeando caras como Big E e Jey Uso. Bryan quer ver quem será o próximo. Ele acha que seria ótimo se o SmackDown tivesse um título defendido a cada semana, e ele acha que esse deveria ser o título Intercontinental. Owens diz que é uma ótima ideia. Owens está animado com a ideia de Bryan, e diz que foi exatamente por isso que trouxe Bryan aqui. Ele quer falar com Bryan sobre os títulos de duplas. Owens diz que conquistou muito na WWE, mas nunca foi campeão de duplas. Bryan diz que Owens traiu muitos amigos. Owens diz que Bryan está se concentrando na parte errada e deve imaginar como eles seriam uma dupla boa juntos. Owens diz que eles poderiam ser o Team Hell KO. Bryan diz que Owens deve se unir a Kane então. Owens diz que eles podem falar sobre o nome mais tarde, mas ele acha que eles seriam uma dupla sem precedentes. A música de Dolph Ziggler e Robert Roode interrompe. Ziggler diz que não há nenhuma maneira de Bryan estar falando sobre novos talentos sem falar sobre ele e Roode. Ziggler se sente desprezado por não ter sido convidado para a festa. Roode diz que se estiver falando sobre tag team, eles deveriam estar falando sobre o maior tag team do planeta e as melhores aquisições do SmackDown na história. Ele continua, mas a música dos SmackDown Tag Team Champions, Montez Ford e Angelo Dawkins tocam. Ford e Dawkins começam a gritar sua frase de efeito, até que Cesaro e Shinsuke Nakamura interrompem. Cesaro fala sobre como eles carregam o SmackDown há meses. Os Street Profits estão no ringue com Owens e Bryan agora. Roode e Ziggler ainda estão do lado de fora do ringue. Bryan diz que ele e Owens deveriam testar a teoria de serem bons como uma tag team. Cesaro, Nakamura, Roode e Ziggler entram no ringue e uma grande briga começa. O produtor da WWE Adam Pearce desce a rampa correndo, chamando alguns outros funcionários para acalmar a situação. 8-Man Tag Team Match: The Street Profits, Daniel Bryan e Kevin Owens vs. Cesaro, Shinsuke Nakamura, Robert Roode e Dolph Ziggler 
– Ford aplicou o “Frogsplash” e venceu o combate. Os locutores explicam a recente situação do Money In the Bank entre Otis, The Miz e John Morrison. Vamos a um segmento intitulado de “Law & Otis”, que começa como uma paródia do programa “Law & Order”. The Miz e Morrison estão no tribunal com seu advogado. Otis está se auto representando e tem sua pasta do MITB. Ron Simmons, é o deputado do tribunal e apresenta o juiz – JBL. JBL diz que Miz está processando Otis por sofrimento emocional, destruição gratuita de propriedade, criação de um ambiente de trabalho inseguro e negligência ao Money In the Bank. O advogado de Miz vai dar sua declaração de abertura, mas Miz a interrompe e fala por conta própria. Miz apresenta seu caso, dizendo que Otis o vitimou emocionalmente e fisicamente e não assumiu sua responsabilidade pelo Money In the Bank. Como vencedor anterior, Miz diz que deve pegar a pasta e colocá-la na posse de um Superstar honrado – ele mesmo. Meritíssimo, essa é a verdade, finaliza ele. Singles Match: Bianca Belair vs. Zelina Vega 
– Belair aplicou o “KOD” e venceu o combate. Singles Match: Lars Sullivan vs. Shorty G 
– Lars aplicou o “Freak Accident” e venceu o combate. 

 Após o combate, Lars comemora enquanto sua música toca. Lars grita e encara a câmera enquanto G se esforça para agarrar nas cordas. Kayla o entrevista do lado do ringue e pergunta como ele se sente. G diz que ele desiste. G rola para fora do ringue e vai embora. Bayley diz que Banks é uma pirralha ingrata. Bayley tentou acabar com isso semanas atrás. Ela ri de Banks dizendo que ela é maior do que o título na semana passada. Ela acha que Banks ficou um pouco presunçosa e sua cabeça é grande demais para caber no Hell In a Cell. Bayley diz que é melhor queimar o contrato do Hell In a Cell, porque ela não irá assina-lo. Banks se autodenomina a The Boss, mas ela não é a chefe de Bayley. A música de Banks toca. Banks vem ao ringue com o contrato. Bayley diz que ela não irá assinar. Bayley tentar atacar Sasha com a cadeira, mas Banks se esquiva. Banks pega o título e Bayley então recua. Bayley quer de volta o título para que elas possam conversar sobre isso. Banks oferece o contrato. Bayley pega, mas uma briga começa em seguida. Banks aplica um golpe de submissão em Bayley junto a cadeira e manda ela assinar o contrato. Ela depois de negar algumas vezes, finalmente assina. De volta do intervalo e JBL está dando seu veredicto. Ele não pode responsabilizar Otis pelo que Miz o acusou porque é a descrição de seu trabalho como Superstar da WWE e se fosse esse o caso, ele e Ron estariam na prisão perpétua. No que diz respeito à negligência do MITB, está no contrato que ele tem um ano para usar a pasta. JBL está prestes a decidir a favor de Otis, mas Miz interrompe e pede para apresentar mais uma peça-chave em formato de evidência. JBL argumenta, mas Miz diz que JBL realmente quer ver isso. O oficial de justiça Simmons pega uma pasta preta de Miz e alcança para JBL. JBL abre e ouvimos o som de dinheiro na edição. JBL olha a pasta preta e ri. JBL diz que não tem outra opção a não ser decidir a favor de Miz devido a nova evidência apresentada. Miz comemora com Morrison. JBL anuncia que Otis deve enfrentar Miz no Hell in a Cell a maleta do MITB em jogo. A Heavy Machinery não está feliz, mas Miz e Morrison comemoram. Singles Match: Seth Rollins vs. Murphy 
– Rollins aplicou o “Stomp” e venceu o combate. 

Após o combate, Rollins comemora enquanto vemos alguns replays. Rollins pega uma kendo stick e retorna ao ringue. Vemos a família Mysterio nos bastidores. Aalyah pede a seu pai e irmão que ajudem Murphy, mas Rey diz que eles têm que ficar fora disso. Ela diz que se eles não ajudarem, ela fará isso. Aalyah foge para ajudar Murphy. Rollins entra no ringue e persegue Murphy com a kendo stick agora, provocando-o. Aalyah desce correndo a rampa e Rollins a vê chegando no ringue. Ela está olhando para trás, esperando por sua família. Rollins pergunta onde está a ajuda dela. Rollins então começa a acertar Murphy com a kendo stick. Aalyah entra no ringue e ajuda Murphy. Rollins sai do ringue enquanto Dominik entra no ringue e pergunta o que ela está fazendo. Rollins aparece por trás e ataca Dominik. A música de Rey toca e Rollins corre para os bastidores. Aalyah se junta a Murphy e está preticamente abraçado nele. Rey e Dominik olham para eles, se perguntando o que diabos está acontecendo. Reigns pega o microfone e diz que isso é engraçado para os Usos. Reigns fala sobre o combate de domingo e diz que se Jey pode fazer Reigns desistir, ele pode viver com isso, mas a questão é… ele consegue fazer isso? Reigns diz que se Uso não puder vence-lo, ele está fora da família. Não apenas Jey, seu irmão Jimmy também. Suas esposas, seus filhos, os filhos de seus filhos, eles estão todos fora da família Anoa’i. Reigns diz que todos irão virar as costas para os Usos. Essas são as consequências para o domingo. As vaias ficam mais altas agora. Heyman entrega o título a Reigns e o coloca por cima do ombro enquanto a música de Reigns toca. A estrutura do Hell In a Cell começa a descer em torno de Reigns que está no ringue. Jey uso vem andando pela rampa. Jey sobe na cela enquanto Reigns observa de dentro. Jey encara Reigns para encerrar o show desta semana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário