The Undertaker está sendo acusado de promover bullying nos bastidores da WWE



O trote e o bullying nos bastidores têm uma longa história no mercado de luta livre profissional. The Undertaker foi um líder de vestiário durante seu tempo nos ringues, mas ele também pode ter encorajado alguns comportamentos ruins.

Ao falar com That 90’s Wrestling Podcast, o ex-WWE Superstar Renee Dupree revelou que ele foi vítima de algumas travessuras de bullying terríveis nos bastidores. Ele então revelou que foi The Undertaker quem orquestrou isso tudo.

“Eles pegaram meus sapatos de $500 e meu terno de $1000 e estragaram no banho porque eu não saí para beber em um bar na noite anterior porque ninguém me convidou. Isso é apenas merda materialista, você pode substituir isso, isso não me incomoda. O que realmente me incomodou foi quando na Itália na noite seguinte eles pegaram minha bandeira francesa – minha herança – eles a jogaram em um banheiro e mijaram e cagaram em cima dela. Eu não sei em que mundo você vive, mas no meu mundo isso é chamado de discriminação racial. Isso foi realmente doloroso”. “O que eu fiz foi procurar Arn Anderson, que era o agente, e perguntei a ele – o conselho de Arn para mim foi ‘Não venda isso’. A próxima pessoa que eu procurei foi The Undertaker e eu disse ‘O que você faz quando alguém faz isso com você?’ E ele disse ‘Bem, você descobre quem faz isso’. Ele ordenou que fizessem isso porque eu não fui beber com ele e os caras em um bar. ”

Nenhum comentário:

Postar um comentário