Cobertura WWE Friday Night SmackDown 21/01/2022

 


Na noite desta sexta-feira, a FOX transmitiu mais um episódio ao vivo do Friday Night SmackDown diretamente da Bridgestone Arena em Nashville, Tennessee. O show desta semana começa mostrando o cara a cara da semana passada entre Seth Rollins e o Universal Champion, Roman Reigns, que terminou com o “Messiah” conseguindo escapar da Bloodline, após tentativa dos The Usos de atacá-lo pelas costas. No entanto também é mostrado o que houve no RAW, com desta vez os Usos conseguindo atacar Rollins, durante sua luta contra Bobby Lashley. Com imagens da Bridgstone Arena, em Nashville, temos as entradas do SmackDown Tag Team Champions, The Usos. Ao chegar no ringue, Jimmy Uso fala que só existe uma razão para todos estarem em Nashville hoje, e é uma celebração pelo maior reinado da história do Universal Championship. Jey Uso cita que Reigns tem 508 dias como campeão. Jimmy questiona quem tem 508 dias como campeão. Jey torna a dizer que não é Seth Rollins e nem Brock Lesnar, mas sim Roman Reigns.

De volta ao ringue, Reigns está sorridente com os melhores momentos de seus 508 dias como campeão. O público segue vaiando. Toca a música de Seth Rollins e ao som de “Burn It Down” o “Messiah” faz a sua entrada, interrompendo a celebração da Bloodline. Rollins se introduz ao público de Nashville e depois parabeniza Reigns por ter o maior reinado do Universal Championship. Rollins diz que este reinado está perto de terminar e depois diz que Reigns não é responsável por seu próprio sucesso, pois acha que é o escolhido mas não é. Rollins cita o fato de Reigns ter mandado os Usos para o RAW, segunda-feira, lhe atacar, citando como ele é pequeno.

Rollins diz que Reigns não reconhece seus primos, mas eles são os maiores SmackDown Tag Team Champions da história, pois assim como na The Shield, eles estão sendo o pedestal de sua carreira. Rollins começa a gritar “Usos”. Reigns diz que Rollins está dando as mesmas desculpas de John Cena e outros quando foram derrotados. Rollins começa a falar que citando Cena, hoje Reigns não o conseguirá ver e então desafia os Usos para uma luta no evento principal, onde, caso vença com seu parceiro surpresa, eles não poderão estar no seu corner no Royal Rumble. Reigns fica pensativo mas Jey Uso aceita o desafio antecipadamente. Rollins anuncia Kevin Owens como seu parceiro, deixando Reigns furioso.


Singles Match: Kofi Kingston c/ Big E vs. Madcap Moss c/ Happy Corbin – Kingston aplica um “Trouble In Paradise” em Moss, seguido de pinfall. Singles Match: Natalya vs. Aliyah – Aliyah vence via DQ após Natalya pisoteá-la no canto do ringue por mais de cinco segundos. Tag Team Match: Viking Raiders (Erik e Ivar) vs. Los Lotharios (Angel Garza e Humberto Carrillo) – Erik faz o pinfall em Carrillo, após um “Viking Experience” junto de Ivar. Championship Contender’s Match (Sonya Deville as Special Guest Referee): SmackDown Women’s Champion Charlotte Flair vs. Naomi – Flair aplica um “Figure Eight” em Naomi e antes mesmo do “Tap-Out”, Deville encerra a luta. No escritório vemos Adam Pearce e Eric Bischoff conversando. Chega Sonya Deville. Eles se cumprimentam. Pearce diz que Bischoff é um grande líder dentro da WWE e lhe passou algumas recomendações, sendo que uma delas, baseada em toda a situação vivenciada nos últimos dias, é que uma luta entre ela e Naomi aconteça na próxima semana. Deville não gosta do que ouve mas concorda e sai do escritório. Singles Match: Ricochet vs. Sheamus c/ Ridge Holland – Sheamus aplica um “Brogue Kick” em Ricochet, seguido de pinfall. Tag Team – Non Title Match: SmackDown Tag Team Champions The Usos (Jey e Jimmy) vs. Seth Rollins e Kevin Owens Caso Rollins vença, os Usos estarão banidos da ringside da luta pelo Universal Championship, no Royal Rumble. Caso perca, Rollins não enfrentará mais Roman Reigns, pelo título, no pay-per-view. – Owens e Rollins vencem via DQ após Reigns invadir a luta, e acertar um “Superman Punch” no Messiah.

Nenhum comentário:

Postar um comentário